Oito formas rápidas de aumentar seus conhecimentos sobre gestão de projeto

BR&M Tecnologia, OUTSOURCING de Infraestrutura e Suporte em projetos de ERPApresentamos abordagens que podem ajudá-lo a evoluir suas habilidades e a se tornar um gerente de projetos mais efetivo

Dez áreas de conhecimento que incorporam o uso de 47 processos organizados em cinco grupos. Definitivamente, a prática de gestão de projetos é oceano difícil de navegar. Desenvolver uma compreensão profunda das disciplinas pode ser uma tarefa árdua e intimidadora que consome muitas horas de dedicação.

A seguir, apresentamos um apanhado de ferramentas que podem ajudá-lo evoluir suas habilidades nessa seara. Listamos oito formas baratas e não muito demoradas de aprender mais sobre project management, cada uma com seus prós e contras.

  1. E-learning e webinars

Treinamentos online são formas interessantes de aprofundar conhecimentos em gestão de projeto. As ofertas de cursos estão cada vez mais acessíveis. Além disso, muitos desses treinamentos permitem que o aluno siga o ritmo mais adequado a suas rotinas/urgências.

Pros:

Baseada em web, o que significa que as aulas podem ser feitas de qualquer lugar com acesso a internet; Você pode seguir o curso no seu ritmo (geralmente); Flexível – pode ser adequada a sua agenda/rotina; Mais baratas se comparadas a treinamentos e seminários formais.

Contras:

Nem todos os programas têm professores “ao vivo” para passar lições/tirar dúvidas; Exige rigor para seguir o programa até o fim; Suporte adicional (de uma escola formal) nem sempre está disponível.

  1. Vídeos e apresentações de tutoriais criados por profissionais

Assistir tutoriais em vídeo ou apresentações é uma boa forma de se familiarizar com um novo conteúdo ou solidificar/expandir um conhecimento que já possua. Esses recursos são, geralmente, criados por profissionais da indústria e disponíveis gratuitamente.

Pros:

O material está disponível na web, a qualquer momento; Flexível – as apresentações podem ser pausadas quando necessário, para adequar-se a sua rotina; As informações são fornecidas por profissionais reconhecidos; Geralmente, o conteúdo é gratuito.

Contras:

Não tem interação com instrutores; Suporte adicional pode não estar sempre disponível; Pode não se adequar a pessoas com perfil “hand-on”.

  1. Seminários

Seminários sobre gestão de projetos são oferecidos com frequência em diversas cidades. Muitos desses treinamentos são conduzidos por pessoas com largo conhecimento no tema. Os participantes também tem acesso cara a cara com esses especialistas.

Pros:

Ministrados por profissionais que conhecem as rotinas da gestão de projeto; Garante interação necessária para sanar dúvidas; Fornece acesso direto a profissionais experientes.

Contras:

Mais caros que as opções anteriores; É preciso se ausentar do trabalho para realizar o treinamento; Talvez você tenha que viajar para participar de um desses cursos.

  1. Boot camps

Essa aqui é uma forma mais intensa de adquirir conhecimento. Os boot camps oferecem muito conteúdo em um curto espaço de tempo. Caso prefira algo em ritmo acelerado e um ambiente de ensino intensivo, essa pode ser uma alternativa mais do que viável.

Pros:

Oferece quantidade significativa de conteúdo em um curto espaço de tempo; Dá acesso direto a profissionais experientes; Pode incluir exercícios práticos e em time; Garante feedback imediato de direto para sanar dúvidas.

Contras:

Por ser um método extremamente intensivo, pode ser estressante; Ritmo acelerado pode acarretar perda de alguma informação; Pouco suporte individual; Pode ser bastante caro.

  1. Livros e artigos

Talvez seja a maneira mais básica de aquisição de conhecimento. Porém, ler artigos e livros sobre gestão de projeto é fundamental para manter-se atualizado.

Pros:

Acesso online ou offline a qualquer tempo e de qualquer lugar; Os materiais, tipicamente, se baseiam na experiência profissional do autor; Os autores podem, frequentemente, ser contatados por e-mail; Menos caro que outros métodos, sendo que algumas vezes sai sem custo algum; O ritmo de aprendizado é determinado pela agenda do leitor e suas preferências pessoais.

Contras:

Talvez não tenha tanto efeito em pessoas que aprendem melhor em ambientes práticos e com experiências reais.

  1. Revistas e sites específicos

A mídia especializada oferece um bom panorama que pode ajudá-lo a elevar seus conhecimentos. Esses veículos, normalmente, publicam novidades interessantes sobre os assuntos que cobrem e entrevistam especialistas renomados no tema.

Pros:

Acesso fácil através da internet; Oferecem conselhos baseados em entrevistas com profissionais renomados; É uma forma barata de manter-se atualizado.

Contras:

Não beneficia pessoas que prefiram experiências práticas; Às vezes pode trazer uma visão superficial e apenas noticiosa sobre o assunto.

  1. Compartilhamento de conhecimento com colegas

Criar uma rotina de troca de experiência em sua empresa é uma forma de ampliar conhecimentos junto a seus colegas. Muitas companhias já adotaram a prática de compartilhar a sabedoria dos profissionais mais experientes junto ao restante da equipe. Esses workshops podem até ser informais e direcionarem-se a determinados temas relativos ao negócio da organização.

Pros:

Possibilidade de aprender com colegas mais experientes de sua equipe; Os temas discutidos podem ter relação direta a um desafio de sua empresa; Essas seções são gratuitas e tendem a não consumir muito tempo.

Contras:

Alguns participantes podem hesitar em fazer perguntas por medo de serem julgados por seus colegas; O conhecimento pode ser relevante apenas para problemas específicos de sua organização.

  1. Mentorias e aconselhamentos

Veteranos na gestão de projetos podem assumir o papel de mentores de colegas mais jovens ou oferecer serviços de aconselhamento customizado para um jovem profissional.

Pros:

Os conselhos oferecidos se baseiam em sua experiência profissional; Esses mentores/conselheiros geralmente permite contato direto por telefone ou e-mail para tirar alguma dúvida pontual; Eles podem não cobrar pelo serviço, porém, quando cobram, geralmente sai mais barato que seminários ou cursos formais.

Contras:

Um profissional experiente pode ser bastante ocupado e o tempo para oferecer a mentoria talvez seja limitado.

Fonte:

Digital Network

Anúncios

Sobre Ramires, F A. Borja

Sólidos conhecimentos em: GESTÃO ESTRATÉGICA DE NEGÓCIOS - Planejamento Estratégico Empresarial; - Balanced Scorecard (BSC); - Indicadores de Performance (KPI); - Avaliação de Potencial de Mercado; - Marketing Geográfico (GIS); - Business Intelligence (BI); - Inteligência Competitiva. GESTÃO ECONÔMICO-FINANCEIRA - Planejamento Orçamentário; - Plano de Negócios; - Análise de Custo, Volume e Lucro; - Ponto de Equilíbrio e Alavancagem Operacional; - Formação e Análise de Preços; - Retorno sobre Investimentos; - EVA, MVA, EBITDA e Fluxo de Caixa Descontado; - Risco de Crédito com Credit Score.
Esse post foi publicado em Tecnologia da Informação e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s